sábado, 20 de novembro de 2010

Um pouco da vida



Nascido em 1989, em Presidente Prudente, interior de São Paulo, cresci sob influência da cultura da cidade pequena e dos pais (quase) sempre presentes. Quando criança, assisti “Star Wars”e me diverti com “Os Batutinhas”, joguei futebol e andei de skate, gostei e desgostei de pêra, aprendi com os erros e acertos da infância.

Criado por pais cristãos, sempre acreditei num poder maior. Quando pequeno, aceitei Jesus como meu Senhor e Salvador e entendi Sua maneira de amar e nos fazer sentir amados. Na igreja, concordei e discordei, entendi e não compreendi, mas percebi que o melhor é ser livre para pensar e argumentar num ambiente completo de pensamentos variados.
Cresci sob a pobre visão de que Presidente Prudente era a melhor cidade do mundo. Mas, aos 15 anos, viajei para Salt Lake (EUA) e percebi que o interior está muito longe de ser algo grande e perfeito. Aos poucos, fui crescendo e entendendo que existia algo mais além daquela cidade. Resolvi mudar-me para São Paulo.

Na terra da garoa, fiz novos amigos, iniciei o curso de Comunicação Social e passei a gostar de filmes “cults”. Assim, iniciei um curso de Cinema e reaproximei-me da arte. Aprendi um pouco de fotografia e hoje a aprecio de forma diferente, relacionando-a com o cinema e a arte urbana, gostos particulares antigos.

Mesmo após 21 anos, são poucas as datas memoráveis do meu calendário. Lembro-me apenas de emoções. Recordo-me do momento em que ganhei meu primeiro videogame, do dia em que fui dormir pela primeira vez fora de casa, do mês em que pela primeira vez viajei para fora do Brasil e do ano em que meu tio faleceu. É claro que há mais lembranças, mas este é aquele pouco que se tornou muito, após algum tempo.

Durante esse tempo, aprendi um idioma diferente, li alguns livros, assisti vários filmes, viajei para lugares distantes, relacionei-me e briguei com meus pais, senti raiva e falta do meu irmão, fiz novas amizades, conheci e perdi familiares, entendi um pouco do valor da vida.

5 comentários:

  1. Vc nem me citou no seu poquinho de vida aí ein? (Triste!) haahaha... Muito bom! Abraço

    ResponderExcluir
  2. Wow, que maneiro cara! haha
    to tentando escrever sobre meus 18 anos, tava mto sem idéia, lendo seu post clareou umas idéias haha ;D
    show de bola o final!
    abrass xD

    ResponderExcluir
  3. Cara, gostei do que você escreveu...até eu pensei em fazer algo também no meu blog, mas ao invés de falar da minha vida inteira eu colocaria sobre as coisas que ocorreram nesse ano de 2010. Um resumo dos acontecimentos desse ano (que passou tão rápido para mim).

    Ah e eu também cresci vendo StarWars e De Volta para o Futuro! hehe!

    ResponderExcluir
  4. Você escreve bem, simples e claro. Muito bom. Uma dúvida, é você na fotinha na lateral no blog? Você disse que trabalhou com fotografia, ai surgiu a dúvida.

    ResponderExcluir
  5. Que coisa... exatamente 4 anos depois eu vim aqui por acaso. Muita coisa aconteceu nesse tempo hein?! Pode atualizar esse post aqui.

    ResponderExcluir